Bem vindo ao Instituto de Saúde Bom Jesus

Archives

Author's Posts

Em tempos quentes e com excesso de calor muitas pessoas são acometidas por uma situação bem desconfortável: diarreia. Veja cinco dicas que podem te ajudar a evitar a contaminação por agentes patogênicos responsáveis pela doença diarreica aguda, permitindo que seu verão siga mais saudável e tranquilo:

 

Lave as mãos com maior frequência

 

Neste calor, muitas bactérias se proliferam mais facilmente. Podem estar em locais ocultos, invisíveis aos nossos olhos como, por exemplo, no transporte público onde várias pessoas colocam a mão no mesmo local. Por isso, lave suas mãos com água e sabão com muito maior frequência. Lembre-se: não adianta lavar só com água. Tem que ser com água e sabão.

 

Evite ingerir alimentos que contenham cremes, maionese ou derivados de ovos não cozidos

 

O calor é propício para a proliferação de algumas bactérias que podem produzir toxinas. Duas destas bactérias — Salmonella e Estafilococo — merecem nossa especial atenção pois suas toxinas são potencialmente causadoras de diarreia com grande perda de água e sais minerais. Estas bactérias podem estar presentes nestes alimentos.

 

Cuidado com peixes e frutos do mar

 

Estes alimentos também podem se deteriorar muito facilmente no calor e conter agentes patogênicos que causam diarreia importante em adultos e principalmente em crianças, podendo levar à desidratação. Antes de consumir, tenha certeza de que estes alimentos estavam fresquinhos e foram preparados com segurança e higiene.

 

 

Areje sempre o ambiente em que você estiver

 

No verão, isso não é muito difícil. Ao contrário, é o que mais queremos. No entanto, esta dica é especialmente importante se houver alguém com diarreia na sua casa. Peça para a pessoa e/ou ao seu cuidador que lave as mãos sempre após o uso do banheiro. A higiene com álcool gel é muito bem vinda. Idealmente, o vaso sanitário deve ser desinfetado após o uso. Areje o banheiro. Alguns vírus também podem ser responsáveis por diarreia e podem ser transmitidos pelo ar.

 

Lave alimentos antes de consumi-los

 

Alimentos leves e fresquinhos como saladas, legumes, verduras e frutas devem ser devidamente lavados com água limpa antes do consumo. Alguns parasitas ou bactérias que eventualmente os estiverem “habitando” também podem causar diarreia aguda.

E, claro, tome muita água limpa e fresquinha. Curta seu verão com saúde!

 

Fonte : https://g1.globo.com/bemestar/blog/ana-escobar/post/2019/01/28/cinco-dicas-para-evitar-diarreia-no-verao.ghtml

Como lidar com a tristeza dos dias frios?

O inverno está sempre dividindo opiniões. Há quem goste do clima frio, pois ele nos possibilita vestir roupas elegantes, e é confortável estar em casa em dias com temperaturas baixas, apenas descansando debaixo das cobertas. Porém, os dias frios também podem carregar consigo uma melancolia, como se ausência de cores do entorno, também levasse embora nossa energia. Nesta matéria você vai entender por qual motivo isso acontece e, principalmente, como lidar com essa situação.

A influência do inverno nas nossas emoções está longe de ser apenas uma coincidência temporal. Para se ter uma ideia, é comum que em países onde o inverno é mais rigoroso, ocorra o aumento das taxas de suicídio relacionados à depressão, pois a falta de sol provoca a ausência de vitamina D no corpo, responsável por produzir hormônios que combatem a doença.

Mas não é preciso morar em um país nórdico para sentir os efeitos do frio nas emoções. Aqui no Brasil nós também sentimos os efeitos dos dias cinzas. Ao fazer uma busca no site Google Trends, uma ferramenta do Google para identificar termos mais buscados, mostra que durante o outono e o inverno os internautas brasileiros procuram com mais frequência palavras como tristeza, depressão, solidão e ansiedade.

Causas da tristeza no frio

Em entrevista ao Portal Minha Vida, Fernanda Moreira, psiquiatra da Unifesp, afirma que a falta de luz faz com que nossa retina não receba raios UVB. Isso faz com que aconteça uma baixa regulação de alguns neurotransmissores relacionados ao humor e o sono. Um deles é a serotonina, hormônio da felicidade, que, com produção reduzida, causa a sensações como desânimo e tristeza de forma acentuada em nosso organismo.

Devido às baixas temperaturas também é comum ficarmos menos propensos a sair de casa, diminuindo assim a prática de exercícios físicos. Esse fator também diminui a produção de serotonina no organismo.

Da mesma forma, nos dias frios, também ficamos mais resistentes em levantar da cama. Esse tipo de situação também tem causas químicas. Os dias cinzas aumentam a produção de melatonina, produzindo uma maior sensação de cansaço, causando assim maior sensação de sonolência. Vale ressaltar que a melatonina é um hormônio produzido durante a noite, para ajudar a dormir melhor, e sua produção é inibida justamente pela luz do sol. Como no frio a quantidade de sol é menor, temos mais melatonina circulando no corpo.

Influência do inverno em nossas emoções

A melancolia causada pelos dias frios é uma condição tão recorrente que até tem nome próprio: depressão sazonal. Esse tipo de depressão costuma aparecer nas estações mais frias do ano, evidenciando, além dos sintomas tradicionais da depressão, uma extrema falta de energia, aumento de apetite e o desejo de introspecção.

A psicóloga Adriana de Araújo que também é especialista Minha Vida completa dizendo que a sensação do frio também pode ser um gatilho para más lembranças. “Sentir frio não costuma ser uma sensação boa, o que automaticamente faz a mente associar coisas ruins à ele”, explica a especialista.

Algumas datas como o Dia dos Namorados também podem aumentar a sensação de tristeza. Como essa data acontece geralmente próximo ao inverno, cria-se um pensamento coletivo de que as pessoas devem ter um par. O hipnoterapeuta Valdecy Carneiro explica que quando isso não ocorre, costuma-se associar a data com a solidão. No ano seguinte, próximo à data comemorativa, resgata-se a sensação de solidão do ano anterior, trazendo ela assim para o presente. Este fenômeno chama-se ancoragem. Segundo Carneiro, é a forma que o nosso cérebro responde a determinados estímulos, levando em consideração nossas experiências.

Como lidar com a tristeza que aparece no inverno

Parece que a sensação de tristeza no inverno não poupa ninguém não é mesmo? De fato ela se faz presente, mas acredite é possível lidar com ela e também ter momentos de alegria durante as estações mais frias do ano.

De acordo com o psiquiatra Mario Louzã, doutor em medicina pela Universidade de Wurzburg, na Alemanha, a depressão sazonal, por exemplo, é uma condição temporária causada pela estação. Em outras palavras ela não é permanente. Em quadros depressivos graves, a tristeza não se retém apenas aos períodos de inverno. Ela permanece por longos períodos, e tende a agravar-se com o passar do tempo.

Também existem algumas atitudes que podem afastar ou diminuir a melancolia nos dias nublados e frios. Veja a seguir:

Pratique exercícios físicos

Pode parecer um martírio se movimentar durante o inverno, mas o esforço vale a recompensa. Um estudo publicado no periódico Perception and Motor Skills, mostrou que até mesmo níveis mínimos de atividade física são capazes de melhorar o humor, e afastar os pensamentos negativos. “O importante é não ficar parado, senão o corpo diminui a produção de serotonina”, alerta a psicóloga Denise Diniz.

Enfrente sua preguiça

Por mais que você sinta que sua marcha está mais lenta nos dias frios seja persistente.
Cancelar compromissos por conta da preguiça pode ser prejudicial ao seu humor, pois você pode adquirir a sensação de que o dia não foi produtivo, afetando sua autoestima. Além disso, longos períodos em que permanecemos em casa pode nos trazer a sensação de monotonia.

Aproveite os dias de sol

Já que eles são raros, vale a pena aproveitar os dias de sol durante o inverno, mesmo que em temperaturas baixas, já que a luminosidade também estimula a produção de serotonina, hormônio que traz a sensação de bem estar, e que também pode ser estimulado pelas atividades físicas.

Adapte sua rotina

Se está muito frio para ir a academia de manhã ou à noite, que tal tentar ir na hora do almoço? Ou então ao invés de cancelar o encontro com os amigos em um local aberto, uma boa alternativa é marcar um encontro na casa de alguém. Se comeu uma fritura em um dia, incluir uma sopa de legumes no jantar pode ajudar a balancear as escolhas alimentares durante o inverno.

É preciso atribuir significados positivos ao frio. Tente ser otimista pensando em boas memórias das estações frias do ano, ou então, reflita sobre o que este período anual pode lhe favorecer.

X